Renato Motha: uma p rola do manancial de Minas Gerais

Por Evanize Sydow

    Johnny Alf disse. C sar Camargo Mariano enfatizou. Ivan Lins falou em seguida. E Leny Andrade pontuou: "Renato Motha um m sico completo, e seu som a m sica brasileira do ano 2000."

    Falavam eles de uma m sica brasileira feita com apuro, de boa qualidade, aquela que nos chega como o cacau e o chili despertam nosso paladar.

    Renato Motha de Belo Horizonte. mais uma bela apari o que ultrapassou as montanhas de Minas e est pronta para ganhar o Brasil. J s o v rios anos de carreira, p blico cativo em S o Paulo e circuito mineiro e cinco CDs na bagagem. O quinto deles, Todo", est chegando s lojas este m s pela gravadora Paulus. o primeiro disco de m sica popular cantado a ser lan ado pela Paulus, que n o poderia ter come ado melhor. A m sica t tulo venceu tr s pr mios: Festival Nacional MPB de Ilha Solteira, Festival Nacional MPB de Tatu e Pr mio Visa MPB. Todo uma balada que tem em sua letra o jogo de palavras com sentidos opostos e complementares (Todo partido, todo unidade. Todo inteiro, todo metade. Todo trindade. Todo indivis vel).

    O disco traz parcerias de Renato com Valter Braga, Christina Soares, Anselmo Carvalho, o poeta Fernando Pessoa e a cantora Patr cia Lobato, mulher de Renato, que tamb m psic loga e estuda percuss o com o grupo Uakti. Patr cia divide os vocais com o marido em oito faixas de "Todo". O disco ainda tem as participa es de Rob rio Molinari, Nen n, Kiko Mitre, M rio Castelo, Ricardo Fi za e D cio Ramos, integrante do Uakti.

    O lan amento em S o Paulo acontece nesta quarta-feira 12, no Tom Brasil, apenas para convidados e imprensa. Em Belo Horizonte o CD ser lan ado no dia 17 de setembro, s 20h, no restaurante Cozinha de Minas. Ainda em setembro, Renato poder ser visto no Festival de S o Jos do Rio Pardo, interior de S o Paulo, que acontece nos dias 21, 22 e 23.

Carreira de bons trabalhos

    Renato Motha um timo cantor. Sua voz de bar tono cantante foi desenvolvida tamb m em aulas de canto l rico. A influ ncia musical veio, primeiramente, de sua m e, que o levava, ainda pequeno, para cantar em programas de audit rio no final dos anos 60. Com tr s anos de idade j estava envolvido pela m sica da Jovem Guarda. Ganhou um viol o da m e aos oito anos e passou a tocar em festinhas da igreja e da escola. Com 14 anos j tocava na noite e, aos 18, passou a aprofundar o seu repert rio. Tirava de ouvido m sicas de Tom Jobim e Milton Nascimento, desenvolvendo sua percep o auditiva.

    Influenciado pelo Clube da Esquina e pela bossa nova "O Milton (Nascimento) foi um dos tr s artistas que mais influenciaram na minha m sica e na minha forma de cantar" , Renato deu aulas na Escola M sica de Minas, de Milton e Wagner Tiso. L , foi professor de um rapaz bem jovem chamado Samuel Rosa.

    Em 1992, o mineiro lan ou o LP independente "Brasileiro", com as preciosas participa es de Toninho Horta, Nivaldo Ornelas, Marcus Viana, Chico Amaral, Lincoln Cheib, entre outros. As composi es foram divididas com Yuri Popoff, Anselmo Carvalho, nio Nonato e Vanderlei Tim teo.

    O segundo disco, "Amarelo", tamb m independente, veio em 1998. Tem nada menos que Ivan Lins, Juarez Moreira, Marku Ribas, entre outros, em seu quadro de participantes.

    No ano seguinte, Renato lan ou "Trilhas das M os", um trabalho raro feito para um espet culo de dan a com a bailarina Dudude Herrmann. "A instrumenta o toda feita com a voz e o corpo", comenta. " um disco bem diferente dos outros." Diferente e muito bonito. Para se ter uma id ia da diversidade art stica de Renato, basta dizer que em "Trilhas das M os" o corpo do artista se transforma em sons de ganz de unha, bumbo de peito, agog de boca, violino indiano, flauta, percuss o de boca e naipe de metais vocalizados.

    O quarto disco "Antigas Cantigas", que re ne can es de dom nio popular, valsas e modinhas. Sua m e faz participa o especial na m sica a ti flor do c u, de Teot nio Alves Pereira e Modesto A. Ferreira.

    Renato tamb m tem produzido discos de outros artistas. Um dos mais recentes exemplos o CD de Bob Tostes baseado em bossa nova.

    Nos shows que vem realizando e que devem acontecer em breve em S o Paulo e no Teatro Alterosa de Belo Horizonte em novembro , Renato vem muito bem acompanhado: Chico Pinheiro, F bio Torres, Edu Ribeiro, Zeli e Ca to Marcondes.

    Cada vez mais o trabalho de Renato Motha torna-se melhor e mais inspirado. E os versos de Fernando Pessoa que ilustram o CD "Todo" est o adequados produ o deste excelente m sico: "S todo em cada coisa. P e quanto s no m nimo que fazes."

 

Renato Motha - Lan amento do CD "Todo"

17 de setembro, s 20h

Cozinha de Minas - Av. do Contorno, 4.570

Tel (31) 3227-1579

 

Festival de S o Jos do Rio Pardo, SP

21, 22 e 23 de setembro